Pular para o conteúdo

Suplementação: Gestantes e Lactantes Podem Tomar Creatina?

A creatina é um suplemento amplamente utilizado por atletas e entusiastas do fitness para melhorar o desempenho físico e auxiliar no ganho de massa muscular.

No entanto, quando se trata de grupos específicos como gestantes e lactantes, surgem dúvidas importantes sobre a segurança e a adequação do seu consumo.

Este artigo visa esclarecer se gestantes e lactantes podem fazer a suplementação e tomar creatina, com base em informações científicas e recomendações médicas.

Entendendo a Creatina

A creatina é uma substância decerto produzida naturalmente pelo corpo e encontrada em pequenas quantidades em alguns alimentos.

Ela é conhecida certamente por seu papel no fornecimento de energia para células musculares durante atividades de alta intensidade e curta duração.

A suplementação com creatina é popular entre atletas porque pode aumentar de fato as reservas de fosfocreatina nos músculos, melhorando a produção de ATP e, consequentemente, o desempenho em exercícios.

Grávida pode tomar creatina

Suplementação de Creatina na Gestação

Contudo, durante a gravidez, a mulher deve ter um cuidado especial com sua alimentação e suplementação, visando sempre a saúde do bebê e a sua própria.

Até o momento, a pesquisa científica não fornece evidências suficientes para garantir de fato a segurança do uso de suplementos de creatina durante a gestação.

Devido à falta de estudos conclusivos sobre os efeitos da creatina no desenvolvimento fetal, a recomendação geral por fim, é evitar a suplementação com creatina durante a gravidez.

Quem está amamentando pode tomar creatina

Suplementação de Creatina e Lactação

Da mesma forma, na lactação, o período de amamentação também exige decerto precauções em relação a suplementação.

Ainda que a creatina seja decerto considerada segura para a população em geral, não existem estudos suficientes que avaliem de fato sua transferência para o leite materno e o possível impacto no bebê.

Portanto, a orientação para lactantes, assim como para gestantes, é evitar o uso de suplementos de creatina até que mais pesquisas sejam realizadas.

Gestantes e lactantes devem consultar o médico antes de tomar creatina

Consulta Médica é Fundamental na Suplementação

Gestantes e lactantes que consideram qualquer tipo de suplementação, incluindo a creatina, devem primeiramente consultar um médico ou nutricionista.

Certamente, esses profissionais podem fornecer orientações baseadas no histórico de saúde individual, necessidades nutricionais e, enfim, nas mais recentes evidências científicas.

Conclusão

Embora a creatina seja um suplemento benéfico para muitas pessoas, gestantes e lactantes devem priorizar a segurança e evitar seu uso devido à falta de evidências sobre sua segurança nesses períodos específicos.

Priorizar uma alimentação equilibrada e rica em nutrientes naturais é a melhor abordagem para apoiar a saúde durante esses períodos críticos.